Comemorações estendem-se por três dias com música, desporto e a habitual sessão evocativa

 

Fafe vai assinalar o 25 de Abril, com um programa de atividades que se estende por três dias.

 

As comemorações do Dia da Liberdade, na próxima terça-feira, começam, logo de manhã, com uma alvorada de morteiros, que antecede a XVII Marcha da Liberdade promovida pelos Restauradores da Granja, às 10h00.

 

Depois do hastear da bandeira no edifício dos Paços do Concelho, às 10h00, com o desfile da Fanfarra do Agrupamento de Fornelos do Corpo Nacional de Escutas, os combatentes da Guerra Colonial serão homenageados, junto ao monumento localizado na Avenida do Brasil.

 

Às 11hh0, no Teatro Cinema, tem início a sessão solene evocativa da efeméride, que incluirá intervenções do Presidente da Assembleia Municipal, dos representantes dos partidos políticos com assento na Assembleia Municipal e do representante da Associação 25 de Abril, Major Engº Piloto Aviador João Moutinho da Silva.

 

Durante a sessão, que terminará com a intervenção do Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, serão também entregues os prémios ‘Dr. Maximino de Matos’ a Marta Filipa Lemos Mendes e o ‘Prémio Literário A.Lopes de Oliveira/Câmara Municipal de Fafe’ a Alexandra Esteves, Paulo Moreira e Artur Coimbra.

Haverá ainda espaço para as habituais distinções a funcionários municipais.

 

À tarde, por volta das 15h00, tem início o 6º Torneio Cidade de Fafe de Futebol Veteranos (UDF), no Campo Operário de Antime. Segue-se o XXXI Torneio de Futebol Juvenil de Fafe 2017, no Campo da ACD Pica.

As comemorações terminam, na Praça 25 de Abril, com a Festa da Liberdade, a partir das 16h00, que contara com a atuação do grupo da terra ‘Os Trastes’.

 

 

No entanto, as comemorações deste 43.º aniversário do 25 de Abril começam já na sexta-feira, dia 21 de Abril, com a realização da XVII Assembleia dos Jovens Munícipes, às 14h00, no Auditório Municipal.

 

Também no sábado, dia 22 de Abril, António Zambujo sobe ao palco do Teatro Cinema de Fafe para mais um concerto muito especial, inserido nestas comemorações, onde vai apresentar o seu mais recente trabalho “Até Pensei que fosse minha”.

 

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, destaca a importância de continuarmos sempre a relembrar este dia.

 

Não podemos esquecer que foi há 43 anos que conquistámos a nossa liberdade e, por isso, é nosso dever, e também um prazer, continuarmos a assinalar este dia em Fafe.

O 25 de Abril é um dia de vitórias, mas também um dia que nos deve inspirar a refletir sobre a sociedade atual e como os tempos têm mudado os valores que regeram a luta de Abril.

Este ano, o programa é diversificado e contamos que todos os fafenses participem nele e, juntos, possamos celebrar a Liberdade.”

Fonte: Município de Fafe